Casa e Imóveis  |  Compras  |  Divirta-se  |  Educação e Cultura  |  Gastronomia e Mercado  |  Gente e Negócios  |  
Geral  |  Mídia e Marketing  |  Moda e Beleza  |  Turismo  |  Vida e Saúde  |  

  Vida e Saúde

Orientações sobre consumo de sal no Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão Arterial
[16-04-2012]

Estimativas do Ministério da Saúde demonstram que a população brasileira consome cerca de 12 gramas de sal por dia, mais do que o dobro recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que é de até 5 gramas diárias. O consumo excessivo de sal contribui para o aumento do risco de desenvolvimento de Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT), tais como hipertensão arterial, doenças cardiovasculares e doenças renais. No Brasil, em 2007 as DCNT responderam por 72% do total das mortes por causa conhecida. Em termos de custos ao Sistema Único de Saúde, no período de 2001 a 2010 houve aumento de 63% dos gastos em internações associadas à hipertensão (desconsiderando o ônus com perda da qualidade de vida, não mensuráveis). Internações por acidentes vasculares cerebrais, infarto do miocárdio e outras doenças isquêmicas oneraram em 2010 quase U$ 20 milhões o Sistema de Saúde brasileiro.

Segundo Mauro Scharf, diretor médico e endocrinologista do Laboratório Frischmann Aisengart, uma das maiores causadoras de hipertensão é a ingestão excessiva de sal. “O excesso provém, em grande parte, dos alimentos processados, já que eles contêm sal na forma do seu princípio ativo, o sódio”. diz.

O médico explica que a hipertensão arterial acontece quando os níveis da pressão estão acima de valores de referência para a população geral. Apesar do valor normal de pressão arterial ser de 120x80 mmHg, considera-se alteração de pressão apenas quando os valores forem superiores a 140x90 mmHg. No caso das crianças, os valores variam de idade para idade e são sempre mais baixos do que a referência nos adultos. Qualquer indivíduo pode apresentar esporadicamente níveis de pressão arterial altos sem que seja considerado hipertenso. “Somente a manutenção dos níveis permanentemente altos em múltiplas medições, em diferentes horários, em várias posições e condições (repouso, sentado ou deitado) caracteriza a hipertensão arterial. A medida da pressão arterial deve ser realizada apenas com aparelhos confiáveis”, afirma Scharf.

O especialista dá dicas sobre como diminuir a quantidade de consumo do sal. São elas: retirar o saleiro da mesa, controlar o uso do sal no cozimento, preferir sempre alimentos frescos, substituir o sal por temperos e ervas frescas ou secas (como alho, cebola, salsa e pimenta vermelha fresca, por exemplo), evitar os temperos prontos, temperar a salada de outras formas (com azeite de oliva, limão, vinagre, vinagre balsâmico e ervas, por exemplo). Também fazem parte das dicas evitar sopas prontas e embutidos, conservas salgadas, salgadinhos, frios salgados e queijos gordos. “Não esqueça também de sempre ler os rótulos dos alimentos e escolher as versões com pouco sódio”, enfatiza Scharf.

O médico também sugere que se consuma adoçantes como estévia, sucralose, frutose e aspartame, já que os mais comuns têm sódio. Para as comidas enlatadas, como milho e palmito em conserva, a dica é remover o excesso de sal deixando-as de molho em água fresca por uma hora.

Sobre o Laboratório Frischmann Aisengart

O Frischmann Aisengart tem 66 anos e é considerado uma referência para o segmento de medicina diagnóstica na região. Com forte presença nas áreas hospitalar e ambulatorial é o líder de mercado  na capital e Região Metropolitana. Possui mais de 600 colaboradores e 45 unidades. São mais de três mil tipos de exames de análises clínicas que contemplam serviços e soluções diferenciados com qualidade, rapidez e alto padrão de atendimento, como a coleta domiciliar e vacinas. Para mais informações: www.labfa.com.br .






Saiba o que se perguntar antes de realizar uma cirurgia plástica
[22-12-2014]
Grupo Maranata embala Natal no Hospital VITA Curitiba
[22-12-2014]
Animal de estimação requer cuidados especiais no calor
[19-12-2014]
O verão está chegando
[19-12-2014]
Hospital Universitário Cajuru em clima natalino
[19-12-2014]
Exageros na alimentação nas festas do final de ano podem prejudicar a saúde
[18-12-2014]
VITA Batel celebra 10 anos de serviços prestados em prol da saúde e bem-estar dos paranaenses
[18-12-2014]
Laboratório lança atendimento domiciliar especial para crianças
[17-12-2014]
CrossFit: a nova tendência de exercícios
[17-12-2014]
De 450 mil crianças que recebem alimentação escolar, mais de 1.300 precisam de dietas especiais todos os dias
[17-12-2014]

| 1 | 2 | 3 | 4 | 9 | 10 | Próxima >> Mais 5

Fale Conosco  |   Anuncie no Paranashop  |   Login  |   RSS / Newsletter