Casa e Imóveis  |  Compras  |  Divirta-se  |  Educação e Cultura  |  Gastronomia e Mercado  |  Gente e Negócios  |  
Geral  |  Mídia e Marketing  |  Moda e Beleza  |  Turismo  |  Vida e Saúde  |  

  Geral

Produtores de soja CD contabilizam lucro em safra com pouca chuva
[22-03-2012]
Clique na foto para ampliar

O potencial produtivo das cultivares de soja da Cooperativa Central de Pesquisa Agrícola – Coodetec tem sido destaque na safra 2011/2012. Mesmo com a queda na produção nacional, por conta do longo período de estiagem, as sementes CD garantiram bons resultados em lavouras de várias regiões. As cultivares CD 250RR STS e CD 2630RR resistiram melhor aos dias secos e, hoje, os produtores que escolheram a Coodetec contabilizam o rendimento.

CD 250RR STS

Na última edição do Show Rural Coopavel, algumas amostras de bons resultados com a soja CD 250RR STS foram apresentadas no estande da Coodetec. Naquela ocasião, resultados como o de Sandro Huf, de Corbélia/PR, chamaram a atenção de quem passou pela feira: 62 sacas por hectare. Depois disso, outros resultados como esse continuaram aparecendo.

Também em Corbélia, com a mesma cultivar CD, houve registro de mais de 55 sacas por hectare. A informação foi dada pela engenheira agrônoma da Coopavel, Maiara Gonçalves Zamparetti. Segundo ela, em decorrência da estiagem, boa parte das lavouras da região não alcançou 30 sacas por hectare. “A CD 250RR STS é uma boa opção para os sojicultores. Se não fosse a seca, com certeza produziria muito mais. Além da qualidade da semente, também foi aplicado um nível de tecnologia mais alto”, detalhou. Para Maiara, a antecipação de plantio e a característica STS, que garante controle da buva, são os grandes destaques da cultivar.

Em São Paulo a cultivar CD 250RR STS agradou quem nunca havia plantado soja. Paulo da Costa, de Arealva, é produtor de milho, algodão, laranja e amendoim. Na última safra ele decidiu investir na soja e deu certo. “Produziu muito bem e rápido. Vou aumentar a área de CD 250RR STS para a próxima safra, tendo em vista que essa variedade aguentou bem a seca. Tivemos um veranico de 23 dias em dezembro e, mesmo assim, o resultado foi bom”, informou. Ainda de acordo com Costa, o plantio de soja é novidade na região e o resultado alcançado em sua lavoura animou outros agricultores. “O meu rendimento foi uma injeção de coragem para os meus vizinhos. Já tem muita gente falando em investir na soja Coodetec.”

CD 2630RR

A soja CD 2630RR é lançamento e alguns produtores já tiveram a oportunidade de produzi-la na safra 2011/2012. Olívio Acosta, de Caarapó/MS, colheu 57 sacas por hectare. “Gostei dessa soja e vou buscar semente para continuar com a mesma variedade na próxima safra. É uma soja resistente. Tivemos 15 dias, sem chuva, com sol muito forte, passando dos 40ºC. Comparando com cultivares concorrentes, que chegaram a 30 e 40 sacas por hectare, essa aguentou bem mais.”

No Mato Grosso do Sul, a cultivar CD 2630RR, tem agradado outros produtores. Em um dia de campo, realizado em fevereiro, pela Cooperativa Agroindustrial Lar, de Ponta Porã, na Fazenda São Máximo, a soja CD ficou entre as mais produtivas, alcançando 67,5 sacas por hectare. O proprietário da fazenda, Alfonso Pedro Eidt, ficou satisfeito com o resultado. “Quero continuar com essa semente. Resistiu muito bem a seca. Foram dois períodos longos, de quase 30 dias, sem chuva. Cresceu bem e, comparando com outras variedades, respondeu melhor a tecnologia aplicada na lavoura”, comentou. Além da área experimental, Eidt também cultivou a CD 2630RR em uma parte da área comercial. Nesse espaço, a soja da Coodetec também superou as concorrentes: foram 56 sacas por hectare. “Duas outras cultivares não chegaram a esse número. E, mesmo em uma área baixa, de brejo, a CD 2630RR se comportou bem e não houve acamamento. Também gostei da cultivar CD 202RR. Essa ficou apenas na área experimental, mas quero aumentar a área, na próxima safra, para avaliar. Quando convencional, estava entre as melhores e sempre garantia bons resultados na minha lavoura.”

Sobre a Coodetec

A Cooperativa Central de Pesquisa Agrícola – Coodetec é uma empresa que pertence a 185 mil agricultores filiados a 33 cooperativas no Brasil, que juntas somam um faturamento anual de R$ 25 bilhões. Os produtores, além de contar com um fluxo contínuo de produtos e tecnologias de ponta, têm a oportunidade de apontar suas demandas para definição das linhas de pesquisa. O aumento do potencial produtivo das cultivares de trigo e soja, e dos híbridos de milho da Coodetec, safra após safra, se deve aos trabalhos de pesquisa e melhoramento genético, desenvolvidos para cada região produtora do Brasil e Paraguai, de forma específica. A sede da Coodetec fica na cidade de Cascavel, no Oeste paranaense, onde funciona uma rede complexa de ensaios e um departamento de pesquisa estruturado, com modernos laboratórios de melhoramento genético, biotecnologia, fitopatologia, qualidade de sementes e solos. Outros Centros de Pesquisa da Coodetec estão localizados em Palotina/PR, Goioerê/PR, Rio Verde/GO e Primavera do Leste/MT.  [jornalismo@coodetec.com.br]






Brasil melhorará a infraestrutura urbana no Estado do Paraná
[19-12-2014]
Condor projeta um crescimento de 20% nas vendas de final de ano
[18-12-2014]
Varejo paranaense apresenta alta nas vendas de outubro
[18-12-2014]
Novo Logan ganha a série limitada Exclusive
[18-12-2014]
Natal impulsiona 33% vendas de joias femininas pela internet, segundo pesquisa
[17-12-2014]
17 milhões de consumidores devem ir às compras de última hora neste Natal, estima SPC Brasil
[16-12-2014]
Natal de presentes e quitação de dívidas
[15-12-2014]
Marcas comemoram ganhos expressivos com soluções para gestão da cadeia de suprimentos
[15-12-2014]
Imóveis novos têm variação mensal de preços de 0,9% em Curitiba, em outubro
[15-12-2014]
Aumento do IPI em 2015 empolga concessionárias de carros
[11-12-2014]

| 1 | 2 | 3 | 4 | 9 | 10 | Próxima >> Mais 5

Fale Conosco  |   Anuncie no Paranashop  |   Login  |   RSS / Newsletter